Escrito em por
Ações, Arte & Design.

Peça “Ignorância Voluntária”: mostra a alienação que o Especismo causa nos humanos e o que isso resulta para os animais!

De 24 à 28 de novembro aconteceu na Escola Maestro Fêgo Camargo, em Taubaté (SP), o primeiro “Fest Fêgo – Arte que Arde”. As apresentações teatrais foram realizadas por diversos alunos do curso de arte dramática.

Entre uma das peças desenvolvidas, uma aluna e voluntária do CAMALEÃO encenou a “Ignorância Voluntária” com o objetivo de mostrar a alienação que o Especismo provoca nas pessoas e o quanto isso impede de verem a realidade dos animais de forma crítica.

camaleao-faz-intervencao-artistica-em-taubate-fego-camargo-especismo-veganismo-realidade-direitos-animais-bastidores-exploração-animal-encenação-arte

Vestida de vermelho, com venda nos olhos, os pés mergulhados em uma bacia de “sangue” ao lado de uma pilha de embalagens de produtos de origem animal, a artista “assistia” na televisão o filme Farm To Fridge (Da Fazenda A Geladeira) sobre a violação sistemática dos direitos animais pelos seres humanos enquanto consumia tranquilamente “carne, ovos e derivados lácteos”. Na bacia ainda podia se ver fofinhos porquinhos de pelúcia provocando um contraste em meio ao sangue e as imagens da TV.

“A ideia partiu da minha experiência e indignação com a vontade que algumas pessoas tem em ignorar a realidade que está na cara delas… o nome do trabalho é “ignorância voluntária”. Além de expressar meu sentimento e ponto de vista com a performance, também posso atingir o interesse e o senso crítico das pessoas para a realidade à qual os animais são sujeitados, mesmo que a mensagem não faça sentido para todos, uma sementinha fica plantada em algum lugar dentro de alguns”, disse a artista Vanessa do Camaleão.

Especismo é o ato de desconsiderar os interesses de um ser por não ser da espécie humana e/ou omitir valores e direitos diferentes para espécies diferentes, é o pensamento que legitima o uso, a escravidão e toda a opressão nas outras espécies animais.

É exatamente esse pensamento, esse preconceito, que faz com que a maioria da sociedade não consiga enxergar o quanto é errado e antiético usar animais para fins de vestuário, fins (pseudo)científicos, fins de entretenimento, fins alimentícios, etc. Os animais existem para seus próprios propósitos e não precisamos consumir partes de animais e seus derivados.

Assista o vídeo da Intervenção:

Veja algumas fotos:

camaleao-faz-intervencao-artistica-em-taubate-porco-sangue-porquinho-contraste-arte-que-arde-camaleão-fego-camargocamaleao-faz-intervencao-artistica-em-taubate-fego-camargo-especismo-direitos-animais-vale-paraíba-fest-fego-arte-que-ardecamaleao-faz-intervencao-artistica-em-taubate-vanessa-reimberg-fego-camargo-artes-encenação-vegana-vegetariana-direitos-animais-especismocamaleao-faz-intervencao-artistica-em-taubate-fego-camargo-vanessa-reimberg-especismo

APOIE ESSE IMPORTANTE TRABALHO PELOS ANIMAIS: Faça uma doação!

Deixe uma resposta