Escrito em por
Arte & Design, Saúde.

Ciclistas em busca de proteção estão recorrendo às lâmpadas de segurança. Na ausência de ciclovias, pedalar envolve um certo risco, principalmente nas maiores cidades, onde o tráfego de carros é mais intenso. À noite, então, crescem as chances de haver acidentes, pois muitas vezes mesmo um motorista cauteloso pode ser surpreendido quando é falha a iluminação pública.

No Greenstyle já foram destacadas algumas iniciativas com lâmpadas de segurança que destacam a presença do ciclista entre o trânsito, como o laser que busca combater os pontos cegos ou a iluminação dos aros da bike com LED para dar maior visibilidade a quem pedala à noite.
Na linha dessa última, ciclistas nos Estados Unidos estão instalando lâmpadas de segurança tubulares nas partes inferiores do quadro. São conhecidas por lá como “Down Low Glow”, segundo o Inhabitat.
Alimentada por baterias, essa iluminação dá maior visibilidade para as laterais da bicicleta e não substitui as lâmpadas frontal (branca) e traseira (vermelha).

O ciclista ganha maior destaque sem que a luz atrapalhe a visão dos motoristas, já que é refletida para o solo. De certa forma, a bike fica parecendo ser mais larga do que realmente é, o que acaba reduzindo as chances de uma colisão acidental.

Fonte: Greenstyle

Ambientalista, adepta da alimentação sem carne, simpatizante dos direitos animais e agora blogueira!

Facebook Twitter 

Deixe uma resposta