Escrito em por
Ações, Ações-do-Portal.

A região da Lagoa do Taquaral em Campinas tem sido utilizada para o comércio de filhotes em plena luz do dia e ainda tem contado com o apoio de uma renomada escola de idiomas, o CNA, que curiosamente tem em sua política empresarial de missões em relação a sociedade a ética e a responsabilidade social.

Sabendo disso, a OALA (Organização Abolicionista pela Libertação Animal) com o apoio do Veganize-já tem realizado ações online e manifestações frente ao local exigindo o fim da prática de comércio na escola e logicamente na cidade de Campinas.

cna-taquaral-comercio-animais-campinas-oala-direitos-manifestacao-protesto

Segundo a organização, alguns motivos contrários ao comércio de animais é que além do fato dos animais serem seres sencientes de direito e não mercadorias e por isso não devem ser tratados de forma objetificada, o comércio ainda é a raiz do problema do abandono de animais, visto que os consumidores (que deveriam ser tutores) compram animais por impulso e posteriormente acabam abandonando quando perdem o encanto momentâneo/emocional pela(o) compra/animal.

Além do mais fazendas industriais e caseiras de filhotes, tratam as mães como verdadeiras máquinas parteiras para posteriormente quando elas deixarem de ser produtivas abandoná-las a ‘sorte’.

oala-protesto-comercio-animais-vidas-adocao-ong-direitos-abandono-campinas

OALA ainda disse que tentou contato com a empresa de maneira prévia antes das manifestações, porém, a mesma não atendeu os seus pedidos de parar com a prática.

O Camaleão realizou um contato com a empresa solicitando informações e uma declaração referente a manifestação e ao incentivo ao comércio de vidas, porém, a mesma preferiu não se posicionar.

Pedimos a todos leitores que enviem suas opiniões para a empresa, por favor, sejam respeitosos e educados, vamos mostrar ao CNA que a empresa pode estar aliada aos animais e não o contrário.

Contatos:
• CNA: Facebook TaquaralSite – CNA Nacional (11) 3053-3811 ou e-mail faleconosco@cna.com.br.

• OALA: Facebook – Mora em Campinas ou região? Entre em contato, seja ativista!

Deixe uma resposta