Escrito em por
Ações, Taiji.

As cartas devem ser enviadas o mais rápido possível

Uma vez postamos aqui no Camaleão, a história de um japonês ex-caçador de golfinhos e baleias que virou defensor desses animais, o senhor Izumi Ishii, que realiza passeios de barco incentivando o turismo em sua vila, Futo, no Japão.

Desta vez, ele está com um pequeno projeto para tentar pressionar e sensibilizar a Agência de Pescadores no Japão a parar com a exploração dos golfinhos e baleias em Taiji, ele pede para que as pessoas mandem uma carta pedindo o fim da atividade de captura e caça de golfinhos e baleias piloto.

izumi-ishii-dolphins-camaleao-taiji-japão-support

O texto pode ser simples, objetivo e educado, Izumi e sua assistente irão passar todas as cartas pessoalmente para a Agência Japonesa.
A carta pode ser escrita em inglês ou preferencialmente em japonês, as cartas serão enviadas sem nenhuma alteração, tradução ou correção, portanto, ele pede com toda gentileza, que as cartas sejam escritas com atenção, educação, carinho e esperança para pressionar os governantes a deixarem de apoiar a caça e encerrá-la.

Ao enviar a carta a pessoa fará parte do grupo chamado “Bright Sea” (Mar Brilhante).

envie-cartas-para-taiji-pelos-golfinhos-bright-sea-mar-brilhante

Além da mensagem, escrevam junto a carta os seguintes dados:
– Nome completo;
– Endereço;
– E-mail;

Por favor, escrevam com letra legível (ou em computador) para que ele possa entender e coloca-lá(o) como membro do projeto efetivamente.

 

Endereço do Izumi:
Izumi Ishii
1301-60, Futo, Ito City, Shizuoka Prefecture, Japan
413-0231

 

Contamos com a colaboração de todos, os golfinhos e baleias agradecem!

Facebook do Izumi | Página de seu passeio | Matéria sobre ele no Camaleão

 

Brasileira com descendência nipônica, atualmente moro no Japão, vegetariana desde 2005, adoro viajar, conhecer lugares, pessoas e culturas diferentes, sou aspirante a mochileira e a fotografia, vegana há pouco mais de 2 anos, ativista pelos direitos animais e colaboradora do Portal no Japão.

Saiba mais: http://bit.ly/DaniYjichi

Deixe uma resposta