Escrito em por
Notícias.


Warning: Undefined array key "use_custom_image" in /home/portalveganis489/public_html/wp-content/plugins/custom-about-author/display-about-author-block.php on line 134

O professor de vivissecção ainda encorajou os alunos

Um vídeo chocante foi publicado na rede onde vários estudantes do ensino médio de uma escola do Texas (EUA) aparecem pulando corda com o intestino de um gato em uma aula de anatomia. O ocorrido foi no início do mês.

O termo “vivissecção” literalmente significa “cortar (um animal) vivo”, mas é aplicado genericamente a qualquer forma de experimentação animal que implique em intervenção com vistas a observar um fenômeno, alteração fisiológica ou estudo anatômico, segundo afirmações do Biólogo Sérgio Greif, da Sociedade Vegana, em seu livro “A verdadeira Face da Experimentação Animal“.

Um dos alunos, da escola Winston Churchill, aparece saltando sobre as entranhas do animal em frente da classe e do professor. O NEISD (North East Independent School District – Distrito Escolar do Texas) afirma que o professor, que não foi identificado, permitiu aos alunos remover as tripas e brincar com os intestinos.

alunos-pulam-corda-com-intestino-de-gato-em-aula-de-vivisseccao-anatomia-maus-tratos-testes-animais-portal-veganismo

O professor alega que sua ideia era dar uma lição “eficaz” de demonstrar o comprimento e a tenacidade dos intestinos.

“Esta lição realmente não era para ser desrespeitosa ou desagradar de forma alguma. E quando o professor descobriu que assim que estava sendo retratado, ele ficou realmente muito chateado com isso”, disse a porta-voz da NEISD Aubrey Chancellor.

A porta-voz Aubrey Chancellor disse que nem os alunos, nem o professor serão punidos porque não houve maldade. Ela alegou também ao Jornal DailyMail que o plano de aula será atualizado, após a publicação e repercussão do vídeo que atraiu críticas da sociedade.

O grupo PeTA disse à estação de TV local que a escola deve substituir os métodos de dissecação que são cruéis e grosseiros por aulas de ciência sem o uso de animais.

alunos-pulam-corda-com-intestino-de-gato-em-aula-de-vivisseccao-maus-tratos-animais-crueldade-portal-veganismo

“Estudos mostram que a dissecção da sala de aula animal pode promover a insensibilidade para com os seres vivos, e estas terríveis ‘pular corda’ vídeos são um exemplo particularmente triste”, afirma Diretora Sênior de Desenvolvimento Juvenil e Campanhas da PETA, Marta Holmberg.

“PETA está convidando Winston Churchill High School a ensinar seus alunos a respeitar a vida e a ciência, substituindo a dissecação de animais crua e cruel com métodos de ensino sem animais que são éticos e mais eficazes.”

Assista o vídeo publicado pela PeTA:

Nota do Portal Camaleão: A atitude do professor é um exemplo do que ativistas pelos Direitos Animais vem dizendo há muitos anos. A vivissecção, a experimentação animal pela ciência é uma prática que torna as pessoas humanas insensíveis com o tratamento, os interesses e os direitos animais.

Utilizar um animal vivo ou parte de um animal morto para brincar é uma atitude desrespeitosa, especista e anti-ética, bem como usá-los para os testes em si, comercialização ou consumo de seus corpos.

• Para saber mais sobre Veganismo & Direitos Animais, acesse: #SejaVegan.

Deixe uma resposta