Escrito em por
Notícias.

Não terá mais de 1 centímetro do nariz à cauda o camaleão miniatura que conserva todas as características da espécie, como camuflar-se para passar despercebido e conseguir assim surpreender as suas presas com a comprida língua, igual ou maior que o corpo.

camaleaozinho-e-descoberto-em-madagascar

O camaleão é da espécie Brookesia e foi descoberto pelo fotógrafo britânico Will Burrard-Lucas numa expedição ao Ámbar Mountain Park, Madagascar e alimentam-se essencialmente de grilos, aranhas e outros pequenos insetos.

A primeira imagem do camaleão miniatura foi publicada pelo diário inglês Mail que alerta estar a espécie ameaçada de extinção, por ser capturada para comercialização contribuindo também a perda do seu habitat natural.

Os antropólogos e paleontólogos têm encontrado em Madagáscar alguma das espécies mais raras da fauna. Entre os mamíferos anfíbios e répteis presentes no local, cerca de 90 incluem espécies raras. Por exemplo na ilha há 70 tipos de lémures que não existem em nenhum outro lugar.

Fonte: Observatório do Algarve

Deixe uma resposta