Escrito em por
Notícias.

 Gripe aviária pode se espalhar com mais eficiência no mundo todo 

Um cenário saído diretamente do filme “Contágio” poderia estar perto de se revelar nos EUA e no mundo todo.

Imagem retirada do filme Contágio - © Supplied by LMK

Imagem retirada do filme Contágio – © Supplied by LMK

Cientistas estão fazendo novos alertas sobre o potencial do último vírus da gripe aviária a se espalhar entre humanos e se o mesmo poderia chegar aos outros países após casos terem sido relatados na China.

No total, 60 pessoas estão infectadas com a doença – sendo que dois novos casos foram registrados na província chinesa de Henan e 13 pessoas já morreram.

O que, teoricamente conecta os casos, é o contato direto com as aves.
Oficiais têm tomado diversas precauções como fechar mercados que vendem os animais.

Autoridades também começaram a escanear os passageiros nos aeroportos, incluindo o aeroporto internacional de Pudong em Shangai.

A maior preocupação dos cientistas que estudam a doença é que a mesma está começando a se adaptar aos animais.
Caso a doença continue sofrendo mutações até o ponto em que poderá ser transmitida entre humanos, o mundo poderia ver o início de uma grande pandemia.

Bastaria que apenas uma pessoa infectada a bordo de um avião, fosse da China para os EUA para desencadear, a nível mundial, a propagação da doença.

Este foi o cenário que a personagem de Gwyneth Paltrow enfrentou durante o filme “Contágio”.

Ainda não foram determinadas pelos cientistas quantas mutações o vírus da gripe aviária ainda precisa manifestar antes que possa se espalhar efetivamente entre humanos.

Esse vírus de H7N9 em particular, têm evocado novas preocupações desde sua última mutação em 2003 porque ele não está matando as aves, portanto, rastrear a sua propagação é muito mais difícil.

Deixe uma resposta