Escrito em por
Ações-do-Portal, Vale do Paraíba.

Veganique em São José dos Campos (SP)

A expectativa climática era de chuva, porém, a expectativa nossa e dos parceiros era de entusiasmo e de esperança…

Esperança que as pessoas comparecessem, interagissem, entendessem a importância do evento, da proposta vegana do evento, apreciassem a culinária vegetariana (sem leite, sem ovos, etc) e foi exatamente isso que aconteceu.

Ao todo compareceram cerca de 50 a 60 pessoas, entre elas, veganos, protovegetarianos (maioria) e alguns não-vegetarianos (que bom), de diversas cidades do Vale do Paraíba (Pinda, Taubaté, São José dos Campos, Caçapava, Santa Branca, Jacareí), mas também de fora do Vale, de cidades próximas e da Capital São Paulo (SP).

Participaram também do evento o Cartuntivismo que ajudou na organização e recepção do Veganique, ativistas do Movimento Veganarquista Paulistano, VEDDAS e outros grupos.

Conforme combinado, em determinado momento do evento foi aberto espaço para conversar com as pessoas sobre vegetarianismo, veganismo, ativismo, etc.

Foi desmistificado com o auxílio do MVP (Movimento Veganarquista Paulistano) a pseudo-ideia de bem-estarismo como algo benéfico a causa dos Direitos Animais, pelo contrário, mostramos o quanto isso é um tiro no pé do movimento animalista.

{(da esq. à dir. – Diego (MVP), Artur (Ajuda Animal/Agência Surta), Mauricio Kanno (GEDA/VEDDAS), Douglas (Portal Camaleão)}

Os participantes também ficaram sabendo de algumas atividades que ainda vão rolar como o GEDA-Vale, uma ramificação do Grupo de Estudos sobre Direitos Animais de São Paulo e as metas de inaugurar a atividade de um Cine Veg; o ativista Mauricio Kanno (VEDDAS) explicou a todos o funcionamento, os objetivos e a importância do GEDA em um coletivo ativista.

A parceria dos grupos foi importantíssima para o evento, assim como também o apoio do Menu Vegano, da Agência de Notícias Direitos Animais e da Agência Surta que elaborou mais uma vez a arte do evento.

No fim das contas, o sol esteve presente, muitos pratos vegetarianos (sem derivados), doces, salgados, alguns orgânicos, muitos alimentos dos mais variados, paisagem verde, animais livres correndo pelo parque (Capivara, Tartaruga, Patos, Aves, entre outros), muita interação, amizade, bate-papo, sorrisos e uma ótima quantidade e qualidade de público presente.

Deixe uma resposta